quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Palmito - Dicas de compra - Uma receita de aperitivo





Palmito 
O palmito é um alimento de baixas calorias e rico em potássio, substância que ajuda a manter controlada a pressão arterial, além de ajudar contra a retenção de líquidos. Para obter os benefícios do nutriente, o palmito deve ser fervido durante 15 minutos para eliminar a alta concentração de sódio (prejudicial para o coração e circulação sanguínea), pois é encontrado para consumo em conserva. Por ser rico em fibras o palmito contribui para um excelente funcionamento do intestino. Além disso, é rico em cálcio e ferro, importantes para a formação dos tecidos e para a manutenção dos ossos.
 É importante salientar que a falta de higiene em embalagens de palmito ou no próprio manuseio pode contaminar o vegetal com uma bactéria chamada Costridium botulinum (botulismo). 
Uma das características da doença é o comprometimento neurológico, podendo levar à morte. Fonte: sonutricao.com.br/conteudo/artigos/palmito_propriedades/

Como se produz? O que se aproveita do palmiteiro?
Figuras retiradas do site www.imazon.org.br





Os três tipos de palmito. Como escolher? (Foto: Daniela Meira/Mais Você)
Como escolher
"Qualquer que seja o tipo que você gostar, tenha preferência pelos potes de vidro ao invés dos enlatados. Assim, você pode olhar o fundo da embalagem. Verifique se os pedaços tem tamanho regular e se apresentam camadas uniformes e de mesma textura (que pareça macio e não duro)", aconselha a profissional.
Outra dica: para ter certeza que o palmito que você está preparando está livre de toxinas que causam contaminação, basta ferve-lo por 20 minutos. "Se você não consumir todo o palmito que preparou, lembre de ferve-lo novamente depois de 24 horas. Isso porque a fervura mata a toxina liberada pela bactéria".
Mais dicas:
• Não compre se a tampa estiver amassada ou estufada, pois o palmito pode estar contaminado;
O palmito que flutua não está macio, e sim com falta de oxigenação e duro
Não compre se a água estiver colorida, branca ou turva;
• O palmito que flutua não está macio, e sim com falta de oxigenação e duro;
Não compre palmito muito fino! Significa que, provavelmente, foi extraído ilegalmente ou de maneira aleatória;
Evite consumir palmito nativo. Procure saber a procedência do produto, pois um vidro na estante do mercado pode representar uma palmeira que demorou de 8 a 20 anos para se desenvolver.
• Compre somente produtos que apresentam na embalagem a origem, registro no Ministério da Saúde e IBAMA, que seja ecológico e de plantação planejada.
Fonte: Site do Gshow - Clique AQUI

Enfim uma receita para aperitivo
- palmito em rodelas, certificado
- tomates em rodelas
- folhas de manjericão ou óregano ( a gosto)
- azeite e sal a gosto
 A foto de abertura deste post é auto explicativa de como fazer