quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

Pato - Origens da receita


Província do Norte, a região conhecida como Entre-Douro-e-Minho abriga o Minho e parte do Douro. Situada entre o rio Minho, ao norte, e o rio Douro, ao sul, é o berço da nação portuguesa. Sua história remete a celtas, romanos — que ali estabeleceram as primeiras videiras — e mouros.

Braga, importante centro religioso no século IV, e Guimarães, a capital escolhida por Afonso Henriques, o primeiro rei de Portugal, estão situadas ao sul. 
Braga
Ambas são repletas de lugares históricos, como o Palácio do Raio e o Antigo Paço Episcopal (em Braga) ou o Castelo de São Miguel e o Largo da Oliveira (em Guimarães). De Viana do Castelo saíram as grandes expedições marítimas, e em Bom Jesus do Monte está o mais espetacular santuário de Portugal.
Guimarães
Barcelos é conhecida pelas cerâmicas que produz — como o famoso galo português de argila. 
O Autor do Blog
Porto, a segunda maior cidade portuguesa, é um centro turístico e gastronômico. Com ruas estreitas, bairros típicos (como o da Ribeira) e riqueza arquitetônica (como a catedral da Sé, do século 12, o sóbrio e elegante Palácio da Bolsa e a famosa Torre dos Clérigos), tem como grande atrativo os armazéns de vinho do Porto, localizados em Vila Nova de Gaia, à margem do Douro e do lado oposto à cidade.
Porto
Apesar do crescimento do turismo, a região mantém suas tradições, com feiras e romarias, e é famosa por sua culinária farta e saborosa, como o clássico arroz de pato à moda de Braga, os pratos de bacalhau e as tradicionais rabanadas, tudo regado com belos vinhos tintos, brancos ou fortificados.



ARROZ DE PATO – A receita original
Tempo de preparo: 1h30
Rendimento: 6 porções

Ingredientes:
- 1 pato inteiro
- 2 cebolas médias
- 3 folhas de louro
- 4 cravos da Índia
- 3 dentes de alho picados
- 1 xícara (chá) de vinho branco
- 1 xícara (chá) de bacon picado em cubos pequenos
- 1 linguiça portuguesa fatiada
- 1 tomate sem pele e sem sementes picado
- 3 colheres (sopa) de cheiro verde picado
- 2 xícaras (chá) de arroz
- 2 colheres (sopa) de azeite
- Sal a gosto

Modo de preparo:
1. Numa panela grande coloque o pato, 1 cebola cortada na metade, os cravos, as folhas de louro e sal. Cubra com água e leve ao fogo. Deixe ferver até que o pato esteja cozido (aproximadamente 30 minutos).
2. Retire o pato da panela para que esfrie.
3. Coe e reserve o caldo que se formou.
4. Assim que conseguir manipular o pato, desfie-o grosseiramente.
5. Descartando pele e ossos. Reserve.
6. Numa panela aqueça o azeite. Refogue o alho, a cebola e o tomate. Junte o bacon e a linguiça e mexa até que comecem a ficar dourados. Acrescente o pato desfiado.
7. Coloque o arroz, o vinho branco e o caldo do pato reservado (junte água para completar 6 xícaras de líquido, caso tenha sobrado pouco caldo).

8. Abaixe o fogo, mantenha a panela semitampada e deixe cozinhar até que arroz fique cozido (aproximadamente 15 minutos).